O filme Meu Malvado Favorito estreou em 2010, tornando-se um verdadeiro sucesso de bilheteria e conquistando o coração de adultos e crianças. A história de Gru, um supervilão prestes a realizar o roubo do século, e suas três filhas adotivas, Margo, Edith e Agnes, conquistou o público e se tornou uma animação queridinha de todos.

Mas poucos sabem que a ideia para o filme surgiu de um simples caderno. Esse caderno pertencia a um dos produtores do filme, Sergio Pablos, que registrava todas as suas ideias em desenhos e anotações. Foi nesse caderno que surgiu a ideia do vilão carismático com uma família adotiva.

A partir daí, o projeto foi ganhando forma e foi desenvolvido pela famosa produtora de cinema, Universal Pictures. Com uma grande equipe de animadores, diretores e roteiristas, o filme foi criado, dando vida aos divertidos personagens.

A criação dos Minions, os ajudantes amarelos do Gru, também foi um ponto alto da produção. Eles foram criados para serem o alívio cômico do filme e acabaram se tornando um dos personagens mais queridos dos fãs. Eles já ganharam até mesmo um filme só para eles, tamanho sucesso que fizeram.

Mas o sucesso não foi só nos cinemas. Os produtos licenciados, como brinquedos, roupas e acessórios, também foram um fenômeno de vendas e ainda hoje fazem sucesso com as crianças.

Meu Malvado Favorito se tornou uma franquia, com três filmes lançados até o momento. Além disso, os personagens também ganharam uma atração em um dos parques temáticos da Universal Studios.

O sucesso da animação inspirou outros projetos, como Meus 15 Minions e Os Minions na História. Eles também foram representados em jogos de videogame e em aplicativos para celular.

A animação Meu Malvado Favorito se tornou um marco na história do cinema e um sucesso mundial. E tudo começou com um simples caderno. Uma prova de que as melhores ideias podem surgir de onde menos se espera.